Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Mauro Iasi * [1]

 

Marx disse certa vez que não se deve brincar com a insurreição se não quiser levá-la até as últimas consequências. Ao que parece o lulopetismo espera que as massas garantam que Lula não seja preso e dispute as eleições, mas que depois saiam de cena para que tudo volte aos trilhos da normalidade para que se possa remendar o pacto social esgarçado pelo golpe.

 

 

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)

Temáticas:

Entrevista a Mohammad Omidvar, da CP e porta-voz do CC do Partido TUDEH do Irão

 

A experiência das duas últimas décadas e várias eleições … provaram que o povo se está, rapidamente, a afastar da estratégia de fazer uma escolha entre “o mal maior e o menor” e não está mais disposto a submeter-se à manipulação das suas exigências pelo regime e os reformistas pró-regime, cujos papéis, atualmente, servem os interesses estratégicos desse mesmo regime.

 

 

 

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)

Declaração do Secretariado da Iniciativa Comunista Europeia

2018/02/01

 

Stalinegrado é um dos melhores exemplos da superioridade do socialismo quando comparado com o capitalismo, tendo em vista mobilizar todas as forças sociais para uma batalha vital, como esta vitória histórica, que não só mostrou os méritos militares do Exército Vermelho, mas também a unidade, a vontade comum e a capacidade organizativa de um país socialista.

 

 

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)

Iniciative Communiste *

 

A Coreia do Norte é o objeto de todos os fantasmas. Qualquer pessoa que tenha um outro olhar sobre a Coreia do Norte, diferente do olhar dos média dominantes, será facilmente qualificado de “marioneta do regime”.

 

 

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)

Initiative Communiste *

 

… o terrorismo islâmico não é uma criação do mundo muçulmano, pois foi empurrado e financiado – do Afeganistão à Chechénia, da Bósnia à Somália, da Indonésia à Síria – pelo imperialismo americano e as suas petroditaduras do Golfo, uma ideologia que não questiona o capitalismo, antes o defende. É, por isso, um símbolo da luta antifascista que a bandeira vermelha da URSS flutue sobre Raqqa, retomada ao DAECH.

 

 

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)

Comissão Internacional do Polo do Renascimento Comunista em França (PRCF)

 

Já no resto da UE – especialmente na Hungria, nos protetorados germânicos da ex-Jugoslávia despedaçada, nas ex-repúblicas bálticas soviéticas, na Bulgária, na Moldávia e na Roménia –, os PC são criminalizados ou perseguidos sob diversas formas.

 

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)

Robert Maggiori  

 

Era um homem de combate, talvez o último representante de um século onde existia no centro da vida política, os partidos, os sindicatos, o compromisso duradouro, onde havia uma esquerda socialista e uma esquerda comunista, onde as opostas conceções do mundo se afrontavam. …

A “abstenção política” nunca a conhecerá, mas as suas lutas parecer-lhe-ão terem sido desesperadas pelo que ele chama os “anos de chumbo”, esses anos que abrem a “mitterrandolatria”, durante os quais a esquerda, enfeitiçada com as sereias liberais, perde a sua alma e, por uma espécie de “autoaversão”, liquida “o que restava do movimento comunista”.

 

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)

Temáticas:

Vijay Prashad *

 

Os europeus querem mover a sua fronteira sul da costa do mar Mediterrâneo para a orla do deserto do Sahara. As bases militares francesas estendem-se através do Sahel, enquanto os Estados Unidos constroem uma enorme base em Agadez (Níger) a partir de onde vai operar drones para dar apoio aéreo. A tropa chegou ao Sahel para parar o fluxo de migrantes.  

 

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)

Temáticas:

David Rosen*

 

Em 1930, o economista John Maynard Keynes previu que, no prazo de um século, o aumento da produtividade significaria que todos estaríamos a trabalhar 15 horas semanais. A pouco mais de uma década desse prazo, tudo indica que essa previsão não se irá verificar.

 

 

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)

Temáticas:

Dimitris Koutsoumpas *

... vemos o capitalismo na sua fase imperialista dominando o mundo inteiro, enquanto relações socialistas sobrevivem em alguns países como restos da primeira tentativa de construção do socialismo, que começou em 1917 e continuou em muitos países através do século XX.

 

 

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)


Nota dos Editores

A publicação de qualquer documento neste sítio não implica a nossa total concordância com o seu conteúdo. Poderão mesmo ser publicados documentos com cujo conteúdo não concordamos, mas que julgamos conterem informação importante para a compreensão de determinados problemas.


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.