Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Partido Comunista da Turquia (TKP)

Quando o Partido Comunista da Turquia, depois de anos de luta contra a sua proibição e, pela primeira vez, participou nas eleições de 2002, gritou: “se o dinheiro tem o seu reino, os trabalhadores têm o seu Partido Comunista”.

 

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)

Partido Comunista da Grécia (KKE)

Uma política progressista é o que serve a justa causa da classe operária, a luta de classes. Porque esta é a força motriz do desenvolvimento social, a luta pelo derrubamento do poder capitalista como pré-condição para a saída da UE, com o povo a segurar as rédeas do poder.

 

 

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)

Temáticas:

Polo do Renascimento Comunista em França (PRCF)

Os trabalhadores franceses compreenderam muito bem que o obstáculo que impede qualquer satisfação das suas reivindicações, sociais, democráticas, ecológicas é mesmo a União Europeia; esta UE que define a política de Macron; este euro que esmaga os povos e os coloca sob o jugo da finança capitalista; esta NATO que submete os povos do mundo debaixo da bota do imperialismo euro-atlântico.

 

 

 

 

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)

Partido Comunista da Venezuela (PCV)

 

Exigimos que os governos. nacional, regional e municipal, exerçam a sua autoridade para neutralizar as máfias da especulação e corrupção, que agem impunemente, ações necessárias para recuperar o poder aquisitivo dos salários e o acesso a bens e serviços básicos.

 

 

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)

Federação Sindical Mundia (FSM)

25 jan 2019

 

a FSM reafirma, como já o fez em várias ocasiões, a sua solidariedade com o povo venezuelano, com a classe operária e as organizações do país nossas filiadas, perante esta ameaça imperialista. Além disso, apelamos ao povo venezuelano para que rejeite as manobras dos imperialistas e dos seus lacaios na região e condene os planos dos assassinos dos povos.

 

 

 

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)

Análises   lacrimejantes sobre a “extrema-direita” e a verdade sobre o papel da “esquerda governante”

(ou “ver o cisco no olho do outro e não ver a trave no seu próprio”)

Elissaios Vagenas *

Por parte do GUE/NGL é ousado, obviamente,  organizar uma discussão “sobre a luta contra a extrema-direita” e,  para apresentar este tema, entender-se com o representante do SYRIZA que, de há quatro anos a esta parte, governa conjuntamente com o partido de extema-direita Gregos Independentes (ANEL).

 

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)

Federação Sindical Mundial (FSM)

O nosso dever é ensinar e ser ensinado pela história, para revelar, ainda hoje, o sujo papel da Fundação Friedrich Ebert. É isso que o interesse da classe operária mundial impõe.

15 Jan 2019

 

 

 

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)

Georges Gastaud e Antoine Manessis 

3 de janeiro de 2018

 

Como o chanceler Heinrich Brüning preparou Hitler, como Matteo Renzi preparou Salvini, como Temer preparou Bolsonaro, Macron prepara o pior para o nosso país…

 

 

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)

Ángeles Maestro

O objetivo estratégico que presidiu a todos os planos do imperialismo, desde a vitória da Revolução de Outubro até ao afundamento da URSS, em 1991, foi a derrota do comunismo. A finalidade comum de destruir o primeiro Estado proletário tornou possível a luta conjunta contra ele de todas as potências capitalistas que se confrontaram nas duas guerras mundiais. Perante este ojetivo superior, as contradições interimperialistas apareciam secundarizadas e a hegemonia de Washington assegurada.

 

 

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)

Ramzy Baroud *

Se tão bizarros acontecimentos – demitir professores e condicionar a ajuda à assunção de uma posição política – ocorressem na China, por exemplo, Washington teria liderado uma campanha internacional condenando a intransigência e a violação dos direitos humanos por parte de Pequim.

 

 

 

 

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)


Nota dos Editores

A publicação de qualquer documento neste sítio não implica a nossa total concordância com o seu conteúdo. Poderão mesmo ser publicados documentos com cujo conteúdo não concordamos, mas que julgamos conterem informação importante para a compreensão de determinados problemas.


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.