Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Partido Comunista da Turquia (PCT)

O efetivo executante é a classe capitalista, que não se importa com mais nada além dos seus lucros; esta ordem social é baseada na exploração. O resultado natural do facto de a nossa economia ser baseada no enriquecimento de uma pequena minoria, em vez de perseguir os interesses sociais e nacionais, não tem outro resultado que não seja entrar em sucessivas crises.

 

 

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)

Eugénio Rosa

A destruição do aparelho produtivo nacional, que tinha atingido níveis impensáveis durante o governo PSD/CDS, continuou, embora a um ritmo menor, durante o governo PS, pondo em causa o crescimento futuro e sendo uma das causas da queda da produtividade. Tudo isto tem sido ocultado no discurso económico oficial de êxitos e no da oposição, que se carateriza também por uma falta de qualquer estratégia a médio e a longo prazo para o país.

 

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)

Partido Comunista da Grécia (KKE)

O governo não se comprometeu com a abolição de uma única medida imposta ao povo pelo memorando. Pelo contrário, em tudo o que afirma, compromete-se com a continuação das reformas e com o não regresso ao passado – o que implica, essencialmente, que o povo deveria esquecer o que perdeu e aceitar a distribuição de migalhas

 

 

 

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)

Investigação/Paulo Pena

Osborne e Harrison abriram o mercado das pensões britânicas aos gestores de fundos, como a BlackRock. Ambos trabalham agora na empresa.

 

 

 

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)

Ron Jacobs *

Estas tarifas não são para benefício dos trabalhadores. São uma tentativa de uma fação da classe dominante dos EUA para extrair mais lucros de um sistema em crise e para internalizar o sistema neoliberal, tanto quanto possível. Os meios de subsistência dos trabalhadores dos EUA são secundários, pelo menos na sua lista de preocupações.

 

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)

Eugénio Rosa

Em 5 anos (2018/2022), o governo pretende cortar 6.851 milhões €, a preços correntes de cada ano, nas despesas com pessoal das Administrações Públicas e 5.199,9 milhões €, também a preços correntes de cada ano, nas despesas com prestações sociais, o que totaliza … um corte de 12.050,9 milhões € nestas duas rubricas, que são fundamentais para a prestação de serviços públicos de qualidade … Mas já há 792 milhões € … para financiar o Fundo de Resolução, a fim deste apoiar a banca … esta política de cortes nas despesas dos serviços públicos e nas despesas com prestações sociais … atingirá principalmente os portugueses de baixos rendimentos, agravando as suas condições de vida e as graves desigualdades já existentes no país.

 

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)

Paul Craig Roberts

Aquilo a que estamos a assistir é os Estados Unidos tornarem-se o primeiro país a reverter o processo de desenvolvimento e a recuar, desistindo da indústria, da produção e de empregos para operários especializados.

 

 

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)

Manlio Dinucci *

… a decisão venezuelana de destacar do dólar o preço do petróleo provoca uma sacudidela sísmica que, a partir do epicentro sul-americano, faz tremer todo o edifício imperial fundado sobre o dólar. Se o exemplo da Venezuela se estender, se o dólar deixar de ser a principal moeda do comércio e das reservas monetárias internacionais, uma imensa quantidade de dólares seria posta em circulação no mercado provocando o afundamento do valor da moeda estado-unidense.

A partir desta semana o preço médio do petróleo é cotado em yuan chinês”, anunciou a 15 de setembro o ministro venezuelano do Petróleo. Pela primeira vez o preço de venda do petróleo venezuelano deixa de ser cotado em dólares.

 

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)

Partido Comunista da Grécia (KKE)

Tradução do inglês de PAT

 

Milhares de trabalhadores, com a sua participação massiva na greve de 17 de maio, em todo o país, declararam: “Não seremos os escravos do século XXI

 

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)

Afonso Costa

 

É impensável ter ilusões com as eleições de 2018: não será através das urnas que o Brasil alçará às modificações de que necessita. A saída está nas ruas.

 

 

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)


Nota dos Editores

A publicação de qualquer documento neste sítio não implica a nossa total concordância com o seu conteúdo. Poderão mesmo ser publicados documentos com cujo conteúdo não concordamos, mas que julgamos conterem informação importante para a compreensão de determinados problemas.


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.