Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Vijay Prashad

eles não poderiam fazer um acordo que levasse em consideração os parâmetros estabelecidos pelo governo de Morales. O próprio Morales era um impedimento direto à aquisição dos campos de lítio pelas empresas transnacionais não chinesas. Ele tinha de ir embora.

Após o golpe, as ações da Tesla subiram astronomicamente.

 

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)

Nick Alexandrov *

Poderia ter sido em 1495, como aconteceu com o indígena Taíno, em Hispaniola – a ilha que Colombo invadiu. Os espanhóis cortavam as mãos – efetivamente sangravam até a morte –, de qualquer Taíno que falhasse ou recusasse garimpar bastante ouro. Era um pecado imperdoável não enriquecer outros, não trabalhar para que outros pudessem lucrar. As transgressões dos defensores das terras filipinas são praticamente as mesmas. As suas mortes mostram os traços da barbárie moderna do início da nossa era.

 

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)

Partido Comunista do México (PCM) – Declaração

As armas com as quais a burguesia realiza violentos tumultos e golpes de Estado, como na Bolívia, foram preservadas, desenvolvidas e fortalecidas pelo chamado progressismo. Na Bolívia, esse mesmo progressismo foi dominado pelos instrumentos da burguesia com os quais governava, e os mais afetados foram as forças operárias e populares, que fazem frente à situação. […] Limitar-se à luta antineoliberal ou à existência de governos “contrários ao neoliberalismo” é entrar no terreno político favorável à burguesia. […] A pretensão de fazer profundas e radicais mudanças conservando o Estado burguês enfrenta a crua realidade de que, no final, a burguesia impõe a última palavra, pelos meios que considera convenientes.

 

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)

Cecilia Zamudio

O regime de Santos conseguiu desmobilizar a maior guerrilha do continente, para que as multinacionais pudessem explorar os seus amplos territórios que, antes, não podiam saquear devido à presença da guerrilha. … para remover uma importante barreira de contenção ao imperialismo dos EUA na região, para que os guerrilheiros, desarmados, fossem massacrados, para que o extermínio do Estado contra a organização social e política da classe explorada pudesse continuar tranquilamente: extermínio de sindicalistas, professores, líderes comunitários, agricultores, estudantes, indígenas, afrodescendentes etc.

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)

José Goulão

Tratando-se de uma violação da soberania síria – apesar de Ancara invocar a Carta das Nações Unidas alegando que se trata de «autodefesa» – a operação veio provocar alterações significativas nas relações de forças no terreno, e nem todas elas, porém, desfavoráveis à República Árabe Síria. O que está a acontecer revela um dos mais complexos quebra-cabeças existentes hoje no panorama internacional.

 

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)

JBC (para www.initiative-communiste.fr)

Abandonadas pelos EUA e os seus servos da União Europeia, as forças curdas viraram-se rapidamente para Damasco, com quem já se haviam aliado para retomar a cidade de Alepo aos terroristas islamitas e com quem a aliança tardia não tinha permitido salvar a cidade de Afrin das garras de Erdogan.

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)

José Goulão

E se, por uma hipótese absurda, algum jovem ou alguma jovem assumir um papel semelhante ao de Greta Thurnberg, mas em defesa da eliminação total das armas nucleares, certamente não lhe será facultado o púlpito dos oradores nas Nações Unidas e não será transformado em ícone pela comunicação mainstream. Pelo contrário, não tardaria a ter à perna a comunidade global de espionagem e certamente seria tratado como reles agente russo ou chinês.

04 de outubro de 2019

 

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)

 Ángeles Maestro

O que eles tentam é acabar com a solidariedade política, a tomada de partido, pois isto pressupõe sempre enfrentar a agressão do imperialismo e do sionismo, independentemente da qualidade política do governo e do país agredido. A solidariedade internacionalista está nos antípodas da caridade, considerando como sua a luta contra a opressão e a injustiça, em qualquer parte do mundo.

 

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)

Annie Lacroix-Riz, professora emérita, Universidade Paris 7, 6  de agosto de 2019

Aqui vamos muito além da simples tentativa de aterrorizar o Japão, mas também a União Soviética, esgotada pela guerra, pela perda de quase 30 milhões dos seus cidadãos e  pela destruição da sua parte europeia, isto é, de uma parte ainda essencial do seu poder económico...

 

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)

Georges Gastaud (PRCF)

 

Mas isso não nos impede de considerar, porque estes são os factos, que, neste caso como em muitos outros (Palestina, América Latina, Iémen, “sanções” contra a Rússia, chantagem permanente contra a China...), o principal inimigo da paz, da soberania das nações e da livre cooperação entre os povos é claramente o imperialismo americano e todos os seus vassalos.

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)


Nota dos Editores

A publicação de qualquer documento neste sítio não implica a nossa total concordância com o seu conteúdo. Poderão mesmo ser publicados documentos com cujo conteúdo não concordamos, mas que julgamos conterem informação importante para a compreensão de determinados problemas.


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.