Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

4 de junho de 2018

As guerras que ocorreram em países como a Líbia, o Iraque, o Afeganistão e a Síria visam a exploração dos recursos naturais desses países pelas fortes potências capitalistas; são elas que derramam o sangue dos povos e criam “exércitos” inteiros de pessoas desenraizadas, refugiados e imigrantes.

 

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)

Partido Socialista Unido da Venezuela (PSUV)-Partido Comunista da Venezuela (PCV)

 

O PSUV e o PCV denunciam, perante o mundo, que o imperialismo – através do governo dos EUA e com a subordinada cumplicidade de governos da América Latina e da extrema direita venezuelana –, insiste em criar um expediente artificial em organizações multilaterais contra o nosso país, para tentar justificar uma intervenção internacional, com a possibilidade real de os governos direitistas da Colômbia, do Brasil ou da Guiana criarem uma provocação nas fronteiras.

 

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)

Robert Fantina*

 

Por que é que a Palestina reconhece o seu brutal opressor sem exigir a mesma concessão de Israel? Agindo assim, dá alguma legitimidade à ocupação e, de todos os países que em nenhuma circunstância o deveriam  fazer, é a Palestina que está no topo da lista.

 

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)

Também enfatizou o peso significativo que os partidos patrióticos tiveram em geral, e o PCV em particular, para garantir a vitória em vários estados, o que “deve ser uma mensagem a que o partido do governo deve atender, para permitir as mudanças necessárias na sua política de alianças”.

 

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)

…o PCV propôs que se dê prioridade às unidades de transporte coletivo, assim como aos sistemas de transporte público nas mãos do governo, no âmbito das políticas governamentais para enfrentar a escassez de combustível.

 

 

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)

Partido Comunista da Venezuela (PCV)

 

Figuera realçou que se tem silenciado o pronunciamento da Comissão das Nações Unidas sobre Direitos Humanos, em que participam 57 países, contra a ingerência e o intervencionismo norte-americano na Venezuela.

 

 

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)

A Venezuela enfrenta desde o surgimento da Revolução Bolivariana, em 1999, planos golpistas e de desestabilização constantes. Esta estratégia se intensificou desde abril, quando setores extremistas da oposição colocaram novamente em desenvolvimento um plano para derrubar o governo do presidente Nicolás Maduro.

 

 

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)


Nota dos Editores

A publicação de qualquer documento neste sítio não implica a nossa total concordância com o seu conteúdo. Poderão mesmo ser publicados documentos com cujo conteúdo não concordamos, mas que julgamos conterem informação importante para a compreensão de determinados problemas.


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.