Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

(Parte II/II)

 

Pode concluir-se que Mao Tsé-Tung aproveitou a campanha lançado por Nikita Khrushchev para desmascarar o culto à personalidade de Stalin para formar o seu próprio caminho independente, desafiando a liderança da URSS sob o pretexto de defender os princípios de Marxismo-leninismo para tomar a primazia no movimento comunista mundial, que correspondia às suas ambições.

 

 

 

[13] Cit. por: Fedotov V.P. Meio século junto com a China: memórias, notas, reflexões. M., 2013. pág. 234.

[14] Cit. po: Goncharov S.N. Sobre "reivindicações territoriais" e "tratados desiguais" nas relações russo-chinesas: mitos e realidade Problemas do Extremo Oriente. 2004. Nº 4. pág. 119.

[15] Resolução do Comité Central do Partido Comunista da China sobre a Grande Revolução Cultural Proletária. Endereço: http://library.maoism.ru/kpk8aug.htm

[16] Cit. por: Vladimirov O.E. Relações soviético-chinesas... pág. 189.

[17] Goncharov S.N. Negociações de A.N. Kosygin e Zhou Enlai no Aeroporto de Pequim // Sobre a China Medieval e Moderna. N., 2006. pág. 312.

[18] Cit. por: Kulik B.T. A divisão soviético-chinesa ... pág. 447.

[19] Elizavetin A.I. O encontro de A.N. Kosygin com Zhou Enlai // Goncharov Sn Sobre a China Medieval e Moderna. N., 2006. pág. 329.

[20] Cit. por: Kulik B.T. A divisão soviético-chinesa: causas e consequências. M., 2002. Pág. 449-450.

[21] Discursos e artigos de Mao Tsé-Tung de diferentes anos, não publicados anteriormente no prelo: sáb. M., 1976. Questão. 6. pág. 261.

[22] Kulik B.T. A divisão soviético-chinesa ... pág. 453.

[23] Discursos e artigos de Mao Tsé-Tung... pág. 270.

[24] Kulik B.T. A divisão soviético-chinesa ... pág. 480

[25] Cit. por: Vladimirov O.E. Relações soviético-chinesas ... pág. 266.

[26] Vinogradov A.V. A história da China a partir de tempos antigos ao início do século XXI: in 10 vol. 9º, vol. pág. 170.

[13] Cit. por: Fedotov V.P. Meio século junto com a China: memórias, notas, reflexões. M., 2013. pág. 234.

[14] Cit. po: Goncharov S.N. Sobre "reivindicações territoriais" e "tratados desiguais" nas relações russo-chinesas: mitos e realidade Problemas do Extremo Oriente. 2004. Nº 4. pág. 119.

[15] Resolução do Comité Central do Partido Comunista da China sobre a Grande Revolução Cultural Proletária. Endereço: http://library.maoism.ru/kpk8aug.htm

[16] Cit. por: Vladimirov O.E. Relações soviético-chinesas... pág. 189.

[17] Goncharov S.N. Negociações de A.N. Kosygin e Zhou Enlai no Aeroporto de Pequim // Sobre a China Medieval e Moderna. N., 2006. pág. 312.

[18] Cit. por: Kulik B.T. A divisão soviético-chinesa ... pág. 447.

[19] Elizavetin A.I. O encontro de A.N. Kosygin com Zhou Enlai // Goncharov Sn Sobre a China Medieval e Moderna. N., 2006. pág. 329.

[20] Cit. por: Kulik B.T. A divisão soviético-chinesa: causas e consequências. M., 2002. Pág. 449-450.

[21] Discursos e artigos de Mao Tsé-Tung de diferentes anos, não publicados anteriormente no prelo: sáb. M., 1976. Questão. 6. pág. 261.

[22] Kulik B.T. A divisão soviético-chinesa ... pág. 453.

[23] Discursos e artigos de Mao Tsé-Tung... pág. 270.

[24] Kulik B.T. A divisão soviético-chinesa ... pág. 480

[25] Cit. por: Vladimirov O.E. Relações soviético-chinesas ... pág. 266.

[26] Vinogradov A.V. A história da China a partir de tempos antigos ao início do século XXI: in 10 vol. 9º, vol. pág. 170.

 

Fonte: Em Defesa do Comunismo: O conflito aberto entre a URSS e a República Popular da China nos anos 1950-1970 (idcommunism.com), publicado e acedido em 19.02.2024 

 

Tradução de TAM

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)

(Parte I/II)

Graças à assistência mútua das duas potências, a RPC conseguiu evitar as consequências do isolamento e do bloqueio económico por parte dos Estados imperialistas e lançar a construção socialista com o apoio de especialistas soviéticos.

 

 

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)

PC da Grécia

DISCURSO DE ABERTURA DO KKE NO ENCONTRO DOS PARTIDOS COMUNISTAS PARA A FUNDAÇÃO DA AÇÃO COMUNISTA EU

27.11.23

KKE

 

Hoje, fundamos a Ação Comunista Europeia, a fim de prosseguir a necessária coordenação, assente numa base mais sólida, com uma posição clara sobre questões cruciais de importância estratégica, formulando conjuntamente a Declaração Fundadora relevante, o Quadro Operacional e um Plano de Atividades inicial para o período seguinte.

 

 

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)

Os povos russo e ucraniano viveram juntos durante décadas construindo a nova sociedade socialista. Lutaram juntos contra o nazismo na Segunda Guerra Mundial e hoje estão a matar-se uns aos outros pelos interesses dos monopólios norte-americano, europeu, ucraniano e russo, sofrendo dezenas de milhares de mortos e feridos.

 

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)

Confusão…

Comentário da Secção de Relações Internacionais do CC do KKE

02.10.23

Surgiram também graves divergências devido à posição de alguns partidos da ICE, que se manifestaram contra os refugiados e imigrantes nos seus países e se recusaram a mostrar solidariedade para com estas pessoas, que, na opinião do KKE e de outros partidos, são vítimas das guerras imperialistas e da exploração capitalista, facto também refletido nas declarações da ICE.

 

 

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)

[…] vários partidos  aliaram-se à Rússia capitalista na guerra imperialista. Justificaram e apoiaram a liderança russa e a invasão do território ucraniano alegando que esta guerra é antifascista, opondo-se à posição de que a guerra é imperialista, que expressa rivalidades capitalistas agudas e é travada pelo controle dos mercados e recursos produtores de riqueza, por rotas de energia e transporte, levando os povos ao matadouro da guerra.

 

 

 

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)

No 50.º aniversário do golpe de Pinochet no Chile e do assassínio de Salvador Allende

Secção de Relações Internacionais do CC do KKE

15.09.23

A experiência chilena confirmou tragicamente a lição básica extraída da experiência da Comuna de Paris, que também Marx e Engels sublinharam no Manifesto Comunista, de que "a classe trabalhadora não pode simplesmente tomar conta da máquina estatal pronta e usá-la para os seus próprios fins". Deve, como sublinhou Lenine, "destruir a 'máquina estatal tal como a encontra e não se limitar apenas a apropriar-se dela".  

 

 

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)

O partido Galo Vermelho afirmou que tanto essas negociações com os Estados Unidos quanto as que mantém "com organizações políticas de direita, tradicionalmente associadas à oligarquia ou à burguesia e mesmo que participaram de eventos golpistas, configuram um cenário cada vez mais evidente, cada vez mais claro, de um novo pacto de elites".

 

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)

Comissão Política do Partido Comunista dos Trabalhadores de Espanha (PCTE)

 

 

[…] o programa de luta que o PCTE apresentou durante esta campanha eleitoral deve ajudar a levantar um novo ciclo de lutas e mobilização que supere a subordinação e a confiança na social-democracia e se caracterize por uma prática política diferente e por um questionamento geral do consenso capitalista partilhado por todas as forças com representação parlamentar.

 

 

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)

Greg Godels

 

Outra excelente crítica contemporânea ao marxismo ocidental pode ser encontrada nos escritos do autor marxista Gabriel Rockhill. Rockhill desacredita hábil e completamente a Escola de Frankfurt do neo-marxismo, especialmente os seus pensadores mais célebres, Horkheimer, Habermas, Adorno e Marcuse, denunciando a sua fidelidade a vários patrocinadores. Aqueles que pagavam as contas desfrutavam de ideias simpáticas, um resultado frequentemente encontrado nos praticantes do marxismo ocidental.

 

 

 

Print Friendly and PDF

Autoria e outros dados (tags, etc)


Nota dos Editores

A publicação de qualquer documento neste sítio não implica a nossa total concordância com o seu conteúdo. Poderão mesmo ser publicados documentos com cujo conteúdo não concordamos, mas que julgamos conterem informação importante para a compreensão de determinados problemas.


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.